Psicolorindo?

As cores me fascinam. Elas transmitem vibrações, sensações e emoções. Podem influenciar o nosso estado de espírito, nosso humor e a forma como encaramos a vida. Quem nunca sentiu uma tristeza sem muita explicação, num dia cinzento? Ou esteve muito animado num domingo ensolarado com um céu azul brilhante?

Pois bem, este é o poder das cores.Por volta de 1666, Isaac Newton – cientista, físico e matemático inglês – publicou um trabalho onde apresentava ideias sobre as cores. Foi o ponto de partida para o estudo da Teoria das Cores. Newton explicou que a luz que consideramos branca, é na verdade, uma luz composta de várias cores. Quem se lembra do Disco de Newton? Com este disco, era possível recompor a luz branca através da soma das cores.

Hoje sabemos que sem luz não há cor. Luz e Cor estão intimamente ligadas.Para conseguir enxergar é necessário que haja luz. Em um quarto escuro, por exemplo, não é possível enxergar os objetos e suas cores. Porém, se uma porta ou janela se abre, permitindo entrar um pequeno feixe de luz, é possível começar a enxergar.

“Mas o que isso tem a ver com Psicologia?” Tudo!

A Psicologia – tendo a análise ou psicoterapia como ferramenta – é a luz que iluminará os pensamentos do indivíduo, possibilitando que as cores apareçam na mente e na vida deste ser.

Portanto, Psicolorindo é isso: Utilizar a psicologia para iluminar o escuro que há no íntimo de cada ser, reluzindo o inconsciente, possibilitando que cada qual, no seu tempo e da sua forma, encontre os objetos perdidos no quarto escuro, retome os caminhos desviados por causa dos olhos vendados e aprenda a colorir sua própria vida.

Convido você a me acompanhar e aprender a colorir a sua vida!

Vamos Psicolorir?